CUIDADOS COM A PELE COM A CHEGADA DO OUTONO

CUIDADOS COM A PELE COM A CHEGADA DO OUTONO

A esteticista Maria de Fátima dá dicas de como manter a pele bonita nesta época do ano, chamada de estação de transição

São Paulo, março de 2017 – O verão está chegando ao fim, e com ele o clima mais úmido e quente também vai embora. Com o começo do outono e a queda de temperatura é normal a preocupação com o aspecto da pele, já que ela tende a se comportar de maneiras diferentes.

Uma pele oleosa, por exemplo, costuma ficar com menos oleosidade, assim como uma pele mista tende a ficar com a zona T com menor produção de oleosidade e a região das maçãs do rosto um pouco mais ressecadas, é o que explica a esteticista Maria de Fátima Lima Pereira, que alerta que são as peles secas que realmente sentem de modo significativo as alterações climáticas.

A esteticista, que atua na área há mais de 35 anos, sempre orienta seus clientes a trocarem a forma cosmética dos produtos que estão utilizando, por conta das alterações biológicas da pele causadas pela mudança de clima. “Como a pele encontra-se mais seca, produtos à base de emulsão cremosa, creme e em alguns casos, gel creme, será muito bem-vindo”, explica. A profissional reforça que a base cosmética somada aos princípios ativos é o que beneficiarão a pele das alterações, lembrando sempre de aplicar filtro solar para mantê-la protegida.

Para amenizar os efeitos da queda de temperatura, é recomendado que se evite banhos quentes e prolongados, já que a água quente remove a proteção natural da pele. Maria de Fátima reitera ainda o cuidado com o excesso de sabão no corpo ou na face, o que pode desencadear maior ressecamento da região.

O outono faz com que as glândulas sebáceas e sudoríparas trabalhem de forma diminuta, deixando de produzir adequadamente o manto hidrolipídico (produção natural responsável pela hidratação), o que ocasiona maior ressecamento da face e do corpo, pois nessa estação a pele acaba perdendo umidade para o meio ambiente. “A sugestão é hidratar, alimentar-se bem, tomar líquido e exercitar-se, além de proteger-se dos raios solares, que mesmo nesta época sendo mais fracos também pigmentam a pele”, conta a esteticista.

Fátima dá dicas ainda para manter o bronzeado da estação passada, que se foi bem cuidado e hidratado não chegou a descamar e ficará ainda mais fácil de se conservar. “Manter o nível de hidratação endógena, ou seja, tomar líquidos ajuda na hidratação orgânica e isso pode refletir na pele”, afirma. Outra dica é aplicar autobronzeador, desde que sua pele reaja bem a isso.

Para a entrada dessa estação, chamada também de estação de transição, a aplicação de creme hidratante é a dica mais importante, já que quanto maior o nível de hidratação cutâneo, melhor a qualidade da pele.

Maria de Fátima Lima Pereira – Esteticista
Pertencente à 4ª geração de profissionais envolvidos com a área de beleza, Maria de Fátima Lima Pereira vive no mundo da estética desde o berço. Formada em Educação Física, Pedagogia e Estética, Fátima atua na área há mais de 35 anos e atualmente trabalha em sua empresa Maria de Fátima Lima Pereira – Estética & Cosmetologia, que abrange os atendimentos que realiza em sua clínica, a coordenação de equipes de profissionais multidisciplinares, capacitação e consultoria, treinamentos e desenvolvimentos de produtos e equipamentos no Brasil e no exterior.

Além disso, ministra aulas de estética para a graduação e pós-graduação na Universidade Anhembi Morumbi. Maria de Fátima prioriza a excelência no atendimento e foca no bem-estar e no estar bem do paciente. Todo seu conhecimento técnico e anos de experiência, resultaram na coleção literária de sua autoria “Série Curso de Estética”. Ainda falando de suas criações, é importante destacar a técnica de massagem com origem espanhola que desenvolveu, a Miototerapia, que promove a remodelação facial - fortalece os músculos e alivia a tensão do rosto e pescoço a fim de minimizar linhas de expressão e redefinir contornos.

Instagram: mfatimalimapereira
Consultório: Rua Coronel Artur de Paula Ferreira, 59 | Conjunto 31 | Indianópolis. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário